Todos os horários são GMT - 3 horas




Criar novo tópico Responder  [ 1 mensagem ] 
 

Revolução no Futebol Carioca
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 25 Mar 2014, 14:22 
Offline

Registrado em: 25 Mar 2014, 12:00
Mensagens: 5
Nome Abreviado: Miguel Coelho
CAMPEONATO DE OUTRO PLANETA.
REVOLUÇÃO NO FUTEBOL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO.
Sugestões para melhorar a qualidade dos torneios e o potencial técnico e financeiro dos clubes do estado e alavancar o engrandecimento e valorização do futebol em nosso estado.
Mudanças a serem implantadas imediatamente (assim que possível).
Os quatro grandes passarão a ter PODER na Federação, com seus SATÉLITES votando em bloco.

ORGANIZAÇÃO DOS CLUBES EM COOPERATIVAS (ou outra forma) – Par cuidar dos Contratos dos Jogadores ETC
Criar condições para que os clubes de menor renda possam se manter ao longo do ano dentro de sua importância como centro de formação de jogadores.
Fortalecer os clubes de menor investimento no sentido de se tornarem grandes centros de formação de atletas e descoberta de novos talentos.
A idéia é aproveitar a tradição, a força de suas marcas e a grandeza das torcidas dos 4 grandes clubes.
Serão criadas 4 cooperativas que serão chamadas PLANETAS: PLANETA BOTAFOGO, PLANETA FLAMENGO, PLANETA FLUMINENSE E PLANETA VASCO.
Os pequenos clubes do estado serão denominados SATÉLITES e serão distribuídos pelos PLANETAS.
A escolha dos SATÉLITES de cada PLANETA será feita: parte por afinidade entre os dirigentes ou por escolha dos torcedores via internet e outra parte, a grande maioria, por sorteio feito com TV após ampla divulgação e com urnas por regiões, zonas etc, para melhor distribuição dos SATÉLITES para cada PLANETA. Ou poderá ser feito um evento do tipo do draft da NBA.
Atualmente, nas séries A, B e C temos 35 clubes do Interior e 45 do Grande Rio.
Fazem parte da região do Grande Rio a capital e mais 19 municípios espalhados por diversas regiões. Os clubes da capital estão espalhados em bairros (cerca de 160) agrupados em 4 zonas. Os clubes do Interior estão espalhados em cerca de 70 municípios, agrupados em 7 regiões (Serrana, Baixada Litorânea etc).
Com as mudanças implantadas acredito que aumentará muito o número de clubes e deverão ser criadas novas séries no Estadual: D e E.
Ao assinar contrato com um SATÉLITE o atleta terá o valor de seu passe distribuído em percentuais: 70% para o SATÉLITE, 20% para o PLANETA e 10% para a Cooperativa.
Os PLANETAS sempre terão prioridade na compra dos jogadores de seus SATÉLITES.
Jogadores cedidos a SATÉLITES de maior projeção (vitrine) darão direito ao SATÉLITE vitrine de mais 5% ou 10% no caso de venda do jogador. Se a cessão for ao PLANETA os percentuais sobem para 10% ou 20%.
Ex-atletas dos PLANETAS poderiam ser largamente utilizados supervisionando as categorias de base de seus SATÉLITES.
Na verdade a torcida dos hoje pequenos clubes será engrossada pelos torcedores dos grandes dos quais são SATÉLITES. SIMPLES ASSIM.


UNIFORMES - CAMISAS
Atualmente os grandes clubes (PLANETAS) vivem “inventando” terceiras e quartas camisas para incrementar vendas e os pequenos (SATÉLITES) não vendem nada.
Os torcedores dos grandes clubes (PLANETAS) passariam a comprar camisas de alguns de seus SATÉLITES.
Concursos para design das camisas dos SATÉLITES com grande publicidade e torcedores podendo opinar pela internet. Poderia haver um critério único para todos os PLANETAS ou cada PLANETA poderia usar critérios próprios.
Modelos: metade da frente da camisa = PLANETA e metade = SATÉLITE ou parte da frente com escudo e nome do PLANETA ou escudo e nome do PLANETA nas mangas.
(Aliás, eu não entendo porque os clubes que não têm o nome no escudo não incluem o nome abaixo do escudo – ninguém de outro estado ou país reconhece o clube daquela camisa. Esta medida SIMPLES aumentaria, e muito, a venda de camisas para torcedores de fora do Rio)

ORGANIZAÇÃO DOS TORNEIOS DA FFERJ
Alterações no formato para valorizar a competição devido à clara perda de atrativo do Campeonato Estadual.
Visando diminuir despesas e incentivar os torcedores a voltarem aos campos de futebol a maioria dos espetáculos será em rodada dupla. Ex.: O América é SATÉLITE do Vasco e o Madureira é SATÉLITE do Fluminense.
Fluminense X América-VAS (preliminar)
Vasco X Madureira-FLU (jogo de fundo).
Quando isolados teriam 6.000 cada de publico, em rodada dupla terão no mínimo 15.000. Torcida terá curiosidade de ver jogadores dos seus SATÉLITES e que, em futuro próximo, poderão fazer parte do elenco de seu clube de coração. A série A do Estadual terá os 4 grandes (PLANETAS) + 4 SÁTELITES de cada, totalizando 20 clubes.
Os clubes de qualquer série do Brasileirão terão vagas garantidas na série A do Estadual. Atualmente temos Botafogo, Flamengo e Fluminense na série A – Vasco na série B – Macaé, Madureira e Duque de Caxias na série C – Boavista e Cabofriense na série D.
Será jogado em turno único e com 15 rodadas. Os clubes de cada PLANETA não jogam entre si. Ou seja, cada clube jogará unicamente contra os 5 clubes de cada um dos 3 outros PLANETAS, totalizando 15 jogos para cada clube.
Haverá taças para o primeiro entre os PLANETAS e para o primeiro entre os SATÉLITES. Os PLANETAS poderão instituir taça para o primeiro colocado entre seus SATÉLITES.
Os SATÉLITES primeiros colocados de cada PLANETA serão indicados para a série D do Brasileirão. Não havendo 4 vagas será criado um critério de rodizio visando atender igualmente a todos os PLANETAS nos próximos anos. Deverá ser criado novo critério para indicação para a Copa do Brasil visando equilibrar a participação de SATÉLITES de todos os PLANETAS.
Quatro clubes descerão para a série B: os SATÉLITES últimos colocados de cada PLANETA.
Quatro clubes subirão da série B para a série A: os SATÉLITES primeiros colocados de cada PLANETA na série B.
As séries B, C e D serão disputadas no período do Brasileirão (pelos SATÉLITES que não estiverem disputando a série A do Estadual nem alguma série do Brasileirão) e poderão ter 5, 6, 7, 8 ou mais SATÉLITES de cada PLANETA. Com 5 de cada PLANETA teremos 20 clubes e 15 rodadas. Com 6 de cada PLANETA teremos 24 clubes e 18 rodadas. Com 7 de cada PLANETA teremos 28 clubes e 21 rodadas Com 8 de cada PLANETA teremos 32 clubes e 24 rodadas. Com 9 de cada PLANETA teremos 36 clubes e 27 rodadas. Etc, etc. Isto com turno único e com os clubes só jogando contra os SATÉLITES dos outros PLANETAS.
Assim acabará o OCIOSIDADE dos pequenos no período do Brasileirão.
O período de férias + o período da série A do Estadual serão utilizados para realizar negociações e transferência/empréstimos de jogadores .

MUDANÇAS NA CAPTAÇÃO E DISTRIBUIÇÃO DOS RECURSOS FINANCEIROS
Os grandes clubes (PLANETAS) serão os principais encarregados em negociar, com terceiros, patrocínios, fornecimento de materiais e demais assuntos relacionados ao futebol dos seus SATÉLITES.
As Prefeituras deverão ser convidadas a participar de negociações e eventuais patrocínios e apoios quando os clubes pertencerem a seu município.
OBS. Os mesmos critérios deverão ser utilizados na BASE (sub 15, sub 17 e sub 20).
Espero que esta colaboração seja discutida em reuniões e acatada em todo ou em parte.


Voltar ao topo
 Perfil  
 

Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ 1 mensagem ] 

Todos os horários são GMT - 3 horas


Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido
Enviar anexos: Proibido

cron
Style by business web design styles , pozycjonowanie strony pozycjonowanie stron sem
Powered by phpBB © 2000, 2002, 2005, 2007 phpBB Group
Traduzido por: Suporte phpBB