Foco no brasileirão « Torcedor Botafoguense

Foco no brasileirão

Publicado em 28/08/2014, 0:22 por Flavio Castro

BOTAFOGO PERDE EM CASA PARA CEARÁ E FICA DIFÍCIL PASSAR DE FASE.

A derrota mostrou o quanto o Botafogo carece de bons jogadores.
A entrada de Bruno Correia trouxe alguma perspectiva de melhoria do setor ofensivo.
Mas ainda falta.
A proposta de não poupar ninguém – certa – mostrou um lado ruim.
O fato de a equipe ter um preparo ruim e jogar no meio e no fim de semana.
Vamos pro jogo.

1º TEMPO
O placar da primeira etapa não deixou dúvidas de quem foi melhor em campo: 0x2.
O ceará jogou com velocidade nos espaços que o Botafogo deixou.
E saiu com um resultado que quase garante a passagem de fase.
É que fora de casa o Botafogo costuma jogar mal. Dentro, às vezes, até mostra algo.
Desta vez, mostrou falta de força no ataque e de organização na defesa
E foi só.
Fim do primeiro tempo.

2º TEMPO
O panorama da partida se manteve o mesmo na segunda etapa.
A diferença na qualidade do toque de bola e de poderio ofensivo foi visível.
Enquanto o ceará chegava no toque de bola, o Botafogo rifava a bola.
Até que Mancine resolveu apostar e colocou o estreante Bruno Correia no lugar do tanque.
O ataque melhorou um pouco, mas não o suficiente.
O Botafogo diminuiu aos 34 minutos em um dos raros lances bem tramados pela esquerda. Bruno Correia recebeu no miolo da entrada da área, abriu para Edilson chutar rasteiro, no canto: Fogão 1×2.
Pouco depois, em jogada bem feita pelo ataque cearense, elder recebeu falta na grande área. Pênalti e Rogério expulso. Um a menos para o ceará, apesar de Rogério ser alvinegro.
Na cobrança, Jefferson foi no canto certo e evitou o terceiro gol da equipe cearense.
Chamou a atenção o fato de o ceará não rifar a bola.

E foi só.

Fim de jogo

Melhor em campo: Jefferson

Como jogaram?

Jefferson (7) Evitou uma goleada.

Edilson (1) Autor do gol, foi uma avenida na marcação.

Bolivar e André Bahia (3,4) a dupla sofreu para marcar o ataque do ceará.

Júnio César (4) Fraco na marcação e no apoio.

Airton (5) Foi envolvido com certa facilidade. Cansou e foi substituído por Bolatti (sem nota) que pouco apareceu.

Gabriel (6) Bem na marcação.

Ramires (5) Desta vez, pouco fez em campo.

Emerson (3) Mal. Não foi substituído porque o Botafogo não tem banco.

Zeballos (2) Muito mal. Foi substituído ainda na primeira etapa por um sujeito chamado Rogério (zero): fominha, ruim de bola e que acabou fazendo pênalti e sendo expulso. Poderia ter pego uma suspensão muito maior. Ô, STJD, prende essa cara!

Ferreyra (1) muito ruim. Foi substituído por Bruno Correia (5) que promete ser titular logo, logo.

Mancine (4) Novamente, o time entrou meio sonolento e foi presa fácil para um time organizado, com muito bom toque de bola. Como o Botafogo é lento e sempre tem jogador com caimbra, seria importante ter um banco. Mas nem um bom time titular o Botafogo tem…
Resumindo:
Acho que a vaca foi pro brejo. Dentro de casa temos alguns jogos mais ou menos. Fora nosso desempenho é limitado ou ruim.
Foco no brasileirão.

Saudações alvinegras,

Macau

Comente

Para que o debate transcorra da maneira mais adequada possível, definimos algumas regras de conduta. A moderação dos comentários será feita por nosso redator e nos reservamos ao direito de apagar os comentários que fugirem a política abaixo descrita:

• O comentário divulgado deverá ter relação com o conteúdo vinculado ao post;

• Estarão proibidas mensagens de caráter comercial ou publicitário;

• Não poderá haver comentários ofensivos, preconceituosos, assim como qualquer outro que venha a ferir os bons costumes;

• Os comentários não poderão denegrir a imagem de uma pessoa, instituição ou empresa;

• Estarão proibidos comentários racistas e pornográficos ou de ideias ilegais;

Você tem que estar logado para comentar.