MANGA « Torcedor Botafoguense

MANGA

Haílton Corrêa de Arruda, mais conhecido como Manga (Recife, 26 de abril de 1937) é um ex-futebolista brasileiro. Manga foi, segundo a crítica especializada, um dos melhores goleiros da história do futebol brasileiro. É o jogador brasileiro que tem o recorde de participação em edições na Copa Libertadores.

Logo no início de carreira, ainda nos juvenis do Sport, Haílton já demonstrava que era um excepcional goleiro, ao conquistar o título pernambucano de juniores de 1954, sem sofrer nenhum gol. Estreou na equipe principal do Sport em 1957, durante uma excursão à Europa. Oswaldo Baliza, goleiro titular, havia se contundido logo na primeira partida do time pernambucano em solo europeu, contra o Sporting Lisboa. O técnico Dante Bianchi resolveu então promover Manga, que ainda pertencia aos juniores do rubro-negro pernambucano.

Manga defendeu o gol do time principal do Sport por apenas dois anos, transferindo-se em 1959 para o Botafogo.

Carreira no Botafogo

Destacou-se no Botafogo na década de 1960, onde jogou durante dez anos, tendo disputado a Copa do Mundo de 1966, na Inglaterra, como titular. Costumava dizer que em jogos contra o Flamengo, gastava adiantadamente o valor da premiação pela vitória sobre o rival, tamanha a certeza que o atleta tinha de um placar favorável à sua equipe.

O pernambucano Manga foi o maior goleiro da história do Botafogo. Veloz ao repor a bola e ágil debaixo das traves, fez muitos milagres pelo Glorioso. Na equipe de General Severiano, Levantou quatro Campeonatos Cariocas e três Torneio Rio-São Paulo. Manga adorava mexer com o brio do Flamengo clube contra o qual mais gostava de fechar o gol. Antes dos clássicos, costumava dizer que “o leite das crianças já estava garantido”. O goleiro estreou pelo clube em julho de 1959, aos 22 anos de idade. Por seu estilo arrojado, teve as mãos deformadas devido a tanto trabalho. 8 anos mais tarde foi negociado com o Nacional do Uruguaiacusado de ter se vendido a Castor de Andrade patrono do Bangu. No total foram 442 jogos defendendo a camisa alvinegra, sofrendo 394 gols.

Títulos que conquistou no Botafogo

  • Taça Brasil: 1968
  • Torneio Rio-São Paulo: 1962, 1964 e 1966
  • Campeonato Carioca: 1961/1962, 1967/1968
  • Torneio Início: 1961/1962/1963 e 1967
  • Taça Guanabara: 1967/1968
  • Torneio Internacional da Colômbia: 1960
  • Torneio Pentagonal do México: 1962
  • Torneio Internacional de Paris: 1963
  • Torneio Jubileu de Ouro da Associação de Futebol de La Paz: 1964
  • Torneio Quadrangular do Suriname: 1964
  • Torneio Governador Magalhães Pinto: 1964
  • Torneio Íbero-Americano (Quadrangular de Buenos Aires): 1964
  • Copa Carranza de Buenos Aires: 1966
  • Torneio Quadrangular de Teresina: 1966
  • Taça Círculo de Periódicos Esportivos: 1966
  • Torneio de Caracas: 1967/1968