SOBRE OS TREINOS E RELAÇÃO COM OS ATLETAS « Torcedor Botafoguense

SOBRE OS TREINOS E RELAÇÃO COM OS ATLETAS

Publicado em 27/05/2012, 14:30 por RonaldoFdeSouza

Lendo algumas reportagens onde vejo o técnico, treineiro, entregador de camisas ou simplesmente ‘professor’, conforme queiram, criando brincadeiras com o grupo de profissionais a sua frente fico lembrando algumas situações que gostaria de levantar e que acho interessante o debate.

Jogadores, técnico, comissão técnica, preparadores físicos, supervisores, auxiliares, massagistas, médicos, fisioterapeutas, psicólogo e, até o cargo de gerente de futebol, são todos, se não me engano, contratados e, por isso, recebem seus salários em dia. São profissionais ou, pelo menos, deveriam ser e tratados como tal, e da mesma forma cobrados como uma empresa privada faz com os seus funcionários exigindo o melhor de cada um para obtenção dos resultados e metas planejadas.

Chegando ao ponto que interessa, sobre os detalhes que sempre me incomodam e que são, exatamente, com a forma de treinamento e com o tratamento dispensado aos jogadores, sejam eles amadores ou profissionais.

Em algumas ocasiões pude acompanhar o treino físico da equipe e fiquei atento aos exercícios que eram praticados e fazia, involuntariamente, um comparativo com os meus tempos de juventude onde treinava artes marciais, e muito, em horários complicados com treinos duríssimos por 23 anos seguidos, além de trabalhar e estudar.  Ninguém me pagava por isso.

Nesse tempo todo quebrei um dedo da mão direita, uma distensão na panturrilha esquerda e uma distensão na virilha, além de dores no corpo em função dos demorados e puxados treinos e dos combates. Nada mais.

Os treinos físicos do grupo de atletas do BFR são extremamente fracos e os jogadores parecem que o fazem com extrema má vontade o que denota que gostam mais dos rachões e dos jogos em especial. Mas como jogar bem sem a mente e o corpo sãos e equilibrados?

Os treinos físicos estão aquém do que gostaria que fossem executados e expõe em regime de pressão os jogadores a fadiga física e mental e a possíveis contusões. Ficam estressados.

A mente desses atletas não é treinada para sofrer pressões de jogo e muito menos para, em situação numérica inferior ao adversário, saber comportar-se devidamente mantendo a formação e aumentando a doação em campo quando jogando com menos um ou dois jogadores. E em relação às cobranças da torcida como temos visto é melhor nem falar.

Creio que esses ‘professores’, do alto de seu pedestal, não sabem criar esse tipo de situação de desconforto para treinar a capacidade de reação de seu time. Cada atleta tem o seu histórico familiar, o seu caráter, a sua personalidade em lidar com situações adversas. Isso tudo deveria ser levado em consideração, bem como, o treinamento de diversas táticas como é feito no futebol americano e que não são aplicadas por aqui. Poucos são os que treinam jogadas ensaiadas exaustivamente.

É o que percebo.

Comentarios

  1. Postado por Eros Martins em 29/05/2012, 8:41

    é muito dificil mudar uma mentalidade enraizada por decadas no Futebol Brasileiro.
    a começar pela falta de Profissionalismo e a Soberba dos Jogadores Brasileiros, q se Acham o Supra-Sumo, quando muitos na verdade não passam de Jogadores p/ lá de Medianos, ora Porra, bem verdade q a propria estrutura do Futebol Brasileiro a começar pelos dirigentes mostra bem a nossa realidade.
    em sua maioria são Oportunistas, q com as benesses das Brasileiras q não dão guarita a Oportunistas safados de usarem a instituição em beneficio Proprio, não determinando responsabilidades Fiscais aos mesmos, como esperar um estrutura Profissional na essencia da palavra nos Futebol, Nos Clubes.
    para q alcancemos um minimo de Profissionalismo no Futebol Brasileiro, Muitas coisas terão q mudar a começar pelas leis .
    ai mora o perigo rsrssrsrrsrsrs

  2. Postado por Eros Martins em 29/05/2012, 8:33

    Grd Ronaldo, um bom exemplo desse ” Treineiro “, ” Profeso ” é nossa querida Lenda, o Sr Joel Santana rsrsrsrsrsrrssr

    parece q seu reinado, suas Fanfarronices estão com os dias contados no Rio heheheheh

Comente

Para que o debate transcorra da maneira mais adequada possível, definimos algumas regras de conduta. A moderação dos comentários será feita por nosso redator e nos reservamos ao direito de apagar os comentários que fugirem a política abaixo descrita:

• O comentário divulgado deverá ter relação com o conteúdo vinculado ao post;

• Estarão proibidas mensagens de caráter comercial ou publicitário;

• Não poderá haver comentários ofensivos, preconceituosos, assim como qualquer outro que venha a ferir os bons costumes;

• Os comentários não poderão denegrir a imagem de uma pessoa, instituição ou empresa;

• Estarão proibidos comentários racistas e pornográficos ou de ideias ilegais;

Você tem que estar logado para comentar.